09/02/2022 às 11h05min - Atualizada em 09/02/2022 às 14h30min

Make the Way avança expansão internacional e anuncia joint venture com startup da Estônia

Parceria com a Sabaoth OÜ visa oferecer soluções tailor-made em segurança, infraestrutura, cloud e gestão de documentos

SALA DA NOTÍCIA Luiz Pêcego
Divulgação/MTW
Make the Way (MTW), organização dedicada à fusão entre a tecnologia e o universo corporativo tributário, segue firme no desenvolvimento de algumas das tecnologias mais inovadoras do mercado. Com a proposta de ser verdadeiramente global, a empresa fechou recentemente uma joint venture com a startup estoniana Sabaoth OÜ. A escolha de uma companhia da Estônia, país do Leste Europeu que é referência no segmento tecnológico (especialmente em cibersegurança), é parte da estratégia da Make the Way para o mapeamento de tendências e soluções aderentes ao mercado brasileiro.

A oportunidade para a união entre a Make the Way e a Sabaoth OÜ se deu por meio do contato com universidades em Viena (AUT), cidade na qual a Make the Way já tem operações e colaboradores. Ao tomar conhecimento do modelo de inovação da startup estoniana, a MTW decidiu pela joint venture, que contou com o aporte da AWS (Amazon Web Services), plataforma de comunicação em nuvem da gigante norte-americana.

“Nossa proposta é atualizar e fornecer aos clientes o que há de melhor em segurança, infraestrutura, cloud computing e gestão de documentos. A Make the Way tem uma grande expertise em machine learningbusiness intelligence e inteligência artificial, então isso nos possibilita somar esforços para elaborar soluções sob medida”, explica Mônica Cerqueira, sócia da Make the Way.
Uma das iniciativas que serão mantidas para a joint venture é a já consolidada proposta da MTW de recrutar talentos do mundo todo – por sinal, o estabelecimento desta parceria teve a atuação do engenheiro de sistemas nigeriano Olamide Omolola, contratado pela MTW no ano anterior. “Já contamos com muitos colaboradores da Europa, da África, da Índia e, é claro, do Brasil, o que ajuda no surgimento de novas ideias e diferentes modelos de trabalho e filosofias. Nosso objetivo com esse novo e importante passo é nos firmarmos como uma referência nas áreas de autonomia e transparência da informação, com o diferencial da busca incessante pela excelência no mercado global, e não somente no brasileiro”, declarou Mônica.

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »