18/02/2022 às 08h23min - Atualizada em 19/02/2022 às 00h00min

Plataforma registra aumento nas solicitações de mapeamento colaborativo

Usuários da plataforma Smart Driving aumentaram em 74% o número de pedidos

SALA DA NOTÍCIA KESLY FERREIRA
www.smartdriving.com.br
Freepik
 

Em 2021, na comparação com 2020, os usuários da plataforma Smart Driving aumentaram em 74% o número de pedidos relacionados ao mapeamento colaborativo das vias, estabelecendo um recorde histórico desde o início da operação da plataforma. No total, desde 2018, o número de solicitações de mapeamento colaborativos aumentou cerca de cinco vezes. 

 

A análise dos dados mostra que essa dinâmica não se correlaciona diretamente com o aumento do número de carros conectados à plataforma. Em grande parte, é causado pelo início da rápida penetração dos serviços de mapeamento nos sistemas de gestão de frotas e na vida cotidiana dos proprietários dos veículos em 2020 e 2021.  

 

Segundo Fernando Schaeffer, CEO da Smart Driving Labs, o uso do mapeamento colaborativo entre clientes B2B da plataforma já é superior a 40% e continua crescendo. Isso leva a um aumento na interatividade dos usuários em todos os níveis. “Os serviços integrados nos sistemas de gestão estimulam os funcionários das gestoras de frotas ao longo das cadeias que conduzem cada motorista a trazerem vários esclarecimentos e exigirem feedback para o desenvolvimento do produto”, comenta.  

 

Os motoristas também se tornaram mais ativos no uso de ferramentas e fazem pedidos de esclarecimento de dados com mais frequência. Neste caso, o incentivo para recursos é marcar um ponto por direção segura. O custo do seguro para pessoas físicas e o sistema de incentivos para motoristas de frota dependem disso. Por exemplo, se um motorista percebe que sua pontuação de direção segura foi reduzida devido ao excesso de velocidade, e ao solicitar a verificação dos dados de velocidade no trecho for comprovado um erro, a pontuação é recalculada.  

 

A Smart Driving Labs, diferente da maioria das plataformas de carros conectados, utiliza serviços de mapeamento próprio. Assim permite criar formatos interativos para trabalhar com os clientes de forma rápida e sem intermediários. Este recurso passou a fazer parte do modelo de atualização "incorporado" na plataforma Smart Driving, no qual os dados de centenas de fontes sobre alterações na rede viária, limites de velocidade, sinais de trânsito, banco de dados de endereços e instalações de infraestrutura são vinculados aos dados sobre os movimentos do veículo "conectado" e as mensagens de seus proprietários.  

 

Como funciona?  

 

Cada solicitação é verificada e, se confirmada, inserida nos aplicativos de mapeamento da plataforma Smart Driving em uma semana, onde fica disponível para todos os clientes. Os picos de entrada de pedidos ocorrem em abril e no período de agosto a outubro.  

 

A maioria das solicitações referem-se ao aparecimento de novos objetos, alterações nas marcações, limites de velocidade, sobreposições ou o aparecimento de novas estradas secundárias. Existem também solicitações específicas para mudanças locais nas áreas de diversas atividades econômicas, como canteiros de obras, onde os especialistas da SDL, a pedido dos clientes, desenham objetos, infraestrutura e elementos paisagísticos. Esses objetos, que muitas vezes não existem em outros mapas, são necessários para automatização de vários procedimentos de gerenciamento de frota.  

 

Uma prática comum é o uso das chamadas geofences – cercas eletrônicas no mapa. Ao cruzar os limites da cerca eletrônica, a plataforma “Element” gera alertas. No sistema de gestão de frota Atlas, isso pode ser usado pelas empresas para implementar vários cenários de controle e análise, e os usuários costumam aproveitar essa oportunidade para criar uma "garagem virtual", uma zona cuja entrada e saída são monitoradas 24 horas por dia.  

  

 

SOBRE A SMART DRIVING LABS 

 

A Smart Driving Labs oferece uma plataforma para carros conectados, cuja missão é transformar dados em oportunidades. Por meio de uma abordagem focada em analytics, a empresa busca proporcionar novos fluxos de receita e ferramentas de retenção de clientes. A plataforma SDL beneficia o ecossistema de mobilidade, envolvendo seguradoras, concessionárias, montadoras, frotas e motoristas, entre outros.  

 

 


 
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »