26/04/2019 às 10h59min - Atualizada em 26/04/2019 às 11h06min

Empresas buscam reforçar a atuação de dados para o crescimento dos negócios

Agência TRACK do Grupo Omnicom busca reforçar a atuação de dados e CRM nas empresas brasileiras.

DINO - https://www.track


A revolução do Big Data Analytics tem permitido às empresas entenderem de forma mais ampla os seus clientes dentro dos mais variados segmentos, agregando valor ao negócio como um todo.
 
Toda essa quantidade de informações parece ser o segredo do sucesso das grandes companhias, mas na prática, a eficácia das empresas ao usar os dados em seu favor tem sido um pouco menos otimista, claro que com exceção das empresas que já nascem com a cultura de dados no seu DNA. 
 
Segundo o site Big Data Business, grande parte dos tomadores de decisão não sabe ao certo o que fazer com as informações fornecidas por meio do trabalho em Big Data Analytics. Essa percepção é reforçada por meio de um estudo realizado pelo The Economist Intelligence Unit, que revela que 35% dos executivos entrevistados colocam como principal obstáculo a falta de conhecimento sobre como utilizar esses dados em setores específicos.
 
Para Luis Bilé Silvarolli, COO e CDO da TRACK, é preciso que a cultura de dados esteja no mantra da empresa para que essa “pedra” consiga ser lapidada até virar diamante. Dados chegam de diversas origens: departamentos internos, fornecedores, parceiros, ferramentas e 3rd partners, depois eles precisam ser captados, armazenados, processados, transformados em informação, para por fim serem compartilhados às diferentes unidades de negócios. “É chover no molhado falar disso, mas a gente sabe que no dia a dia é comum não existir 100% de integração tecnológica, humana e estratégica no processo”, diz Bilé.
 
Recentemente, surgiram os CDOs (Chief Data Officers), que são profissionais com mais skills e vivência de negócios do que propriamente de TI, para assumirem o papel de gestão dos dados da empresa. Mesmo assim, se a cultura dos dados não estiver na cultura organizacional, a “pedrinha” vai se desgastando no caminho e as informações ficam incompletas e aí quando mineradas viram, no máximo, vários dashboards de BI.
 
Uma empresa que quer gerar valor ao negócio a partir de análise de informação precisa entender que cultura de dados não é responsabilidade de um departamento, mas das pessoas.


Website: https://www.track-br.com/
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Qual sua Rede Social Favorita?

47.5%
28.0%
16.1%
7.6%
0.8%