06/04/2020 às 11h55min - Atualizada em 06/04/2020 às 12h03min

Como os pagamentos digitais podem ajudar empresas durante a Covid-19

Swipe, a startup que acelera a transformação digital de empresas para que elas possam responder ao coronavírus.

DINO
https://www.swipetech.io/
mulher segurando uma celular com um computador na frente


A Covid-19 provocou mudanças drásticas na rotina de todas as empresas e pessoas no mundo. Prateleiras vazias, fronteiras e escolas fechadas, circuit breakers subsequentes e até as ações mais estáveis do mundo despencando.

A medida que a Covid-19 se propaga, também se alargam seus efeitos na economia e as mudanças no comportamento das pessoas. Dentre essas mudanças, está a percepção de que o dinheiro físico é um vetor de transmissão da doença e deve ser evitado.

Por isso, a Organização Mundial de Saúde (OMS) aconselha que as pessoas usem carteiras digitais e meios de pagamento sem contato ao invés do dinheiro físico. Lojas deixaram de aceitar dinheiro como pagamento. E alguns governos foram além. A Coréia do Sul e a China deixou em quarentena todo o dinheiro recebido no Banco Central antes de colocá-lo novamente em circulação.

O Federal Reserve separou as notas de dólar vindas da Ásia. E entre as propostas de resgate da economia contra a Covid-19 apresentado pelo Senado Americano, está o desenvolvimento de uma moeda digital do Banco Central.

A Guinada dos Pagamentos Digitais contra o Coronavírus

Apesar de todas as mudanças. As pessoas continuarão comprando. O que está mudando é a forma como as compras são feitas. O grupo de risco da covid-19 é exatamente aquele com menos adesão às novas tecnologias, o que tende a acelerar a curva de adoção dos pagamentos digitais, atraindo pessoas que, de outra forma, continuariam usando dinheiro.

Para sobreviver à crise econômica da covid-19, as empresas precisarão acelerar sua transformação digital. Nesse momento, soluções como carteiras e contas digitais, pagamentos sem contato e gateways de pagamento online estão se destacando. Os pagamentos digitais são ótimos aliados para mitigar os efeitos da pandemia e salvar negócios de diferentes setores.

Mas a adaptação precisa ser imediata. A Swipe é uma ótima opção. A startup, criada em 2017, fornece por meio de API, tecnologias para que empresas criem suas carteiras digitais e seu ecossistema de pagamentos digital personalizado. E possam assim, responder com rapidez à crise do coronavírus.

A Swipe oferece um aplicativo de conta digital, dashboards, integração com bancos, subadquirentes e sistemas antifraudes. Assim, é possível levar para empresas de diferentes tamanhos, um serviço que antes era restrito apenas aos grandes bancos. E prepará-las para um mundo em que pagamentos digitais são a norma.

Nas carteiras da Swipe, é possível fazer transferências, pagar contas, emitir boletos e fazer recargas de aplicativos como Spotify e Uber, celular e vale-transporte. As empresas contratantes oferecem todos esses serviços aos clientes através de um aplicativo que tem a marca da própria empresa.

As carteiras digitais de empresas não-financeiras já estavam ganhando popularidade no Brasil através de empresas como iFood, Magazine Luiza e Rappi. Agora, elas se tornaram uma questão de saúde pública e de sobrevivência das empresas.

As empresas que quiserem liderar as respostas à crise, acelerando essa transformação, podem acessar www.swipetech.io ou entrar em contato através do e-mail: contact@swipetech.io



Website: https://www.swipetech.io/
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Qual sua Rede Social Favorita?

46.0%
26.2%
17.5%
9.5%
0.8%