06/04/2020 às 14h11min - Atualizada em 06/04/2020 às 14h21min

Startup disponibiliza kit digital de rastreamento do coronavírus

O rastreamento é feito em 4 passos com a ajuda do atendimento digital

DINO
http://www.huggy.io


O kit de rastreamento foi criado por uma equipe de desenvolvedores de sistema em parceria com profissionais da área de saúde e empresários. A ideia é ajudar municípios que não têm estrutura para conter a proliferação do coronavírus. O sistema tem: a ferramenta “CoronaMap”; o plano de ação, que explica como utilizar a ferramenta para o rastreamento e como analisar os dados coletados; e uma análise dos impactos do Covid-19. O programa está sendo oferecido gratuitamente, através da Huggy, uma startup de atendimento digital e terá o acompanhamento dos funcionários da startup durante a implantação e pós implantação, também.

Os envolvidos analisaram a melhor forma de evitar a proliferação do Covid-19. "O CoronaMap é uma forma de utilizar a tecnologia a nosso favor, tanto para evitar deslocamentos desnecessários, reduzindo o risco de contágios, quanto para obter indicadores do crescimento da doença na região, mapeando o crescimento do número de suspeitos", explicou Victor Figueiredo, idealizador do sistema.

“O grande potencial do CoronaMap é essa possibilidade dele ser mais um canal de informação da população, para estratégias de ação. Ele ajudaria no sentido, que seria possível identificar, no território, onde estariam os casos suspeitos, com critérios de complicação e proceder o encaminhamento dessas pessoas, com orientações sobre como fazer, onde ficar, que serviços procurar, de que maneira elas, também, podem ser encontradas”, ressalta Patrícia Sodré, pesquisadora e doutora em saúde pública. O rastreamento é feito em 4 passos com a ajuda do atendimento digital. O município encaminha o link para população https://coronamap.now.sh/, pode ser pelo Messenger, WhatsApp, Telegram ou Huggy Chat. As pessoas iniciam uma conversa e respondem as perguntas (veja imagem do sistema).

Os dados coletados são acessados pela prefeitura, que com base no cenário encontrado viabiliza as ações para atender a população. “A gente ficou pensando numa forma de ajudar a população. Então, estamos entregando essa tecnologia para os municípios de graça e cada um pode adequar a ferramenta a sua realidade. Com os dados é possível saber se tem pessoas em isolamento com o coronavírus, qual estado de saúde delas. Ou se a pessoa teve contato, por exemplo, com alguém doente e até mesmo se tem desenvolvido os sintomas do Covid-19. O município pode orientar o cidadão sem ele precisar sair de casa, pode realizar o teste a domicílio. Todas essas medidas evitam proliferação do vírus e a superlotação das unidades de saúde”, explicou Diego Freire, CEO da Huggy. O município pode escolher a periodicidade que vai aplicar esse questionário, dependendo da sua realidade, uma vez na semana, por exemplo. “Por meio do atendimento digital é possível realizar vídeo-chamadas, receber fotos ou vídeos, realizar testes a distância, dentre outros. Todas essas informações serão importantes para tomada de decisão do gestor do município”, explicou Diego Freire, CEO da Huggy e especialista em atendimento digital.



Website: http://www.huggy.io
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Qual sua Rede Social Favorita?

46.0%
26.2%
17.5%
9.5%
0.8%