24/04/2020 às 15h10min - Atualizada em 25/04/2020 às 03h21min

Na pandemia, sites de venda adiantada viram alternativa para pequenos negócios

A tecnologia pode ser a solução para donos de pequenos comércios e profissionais autônomos superarem o impacto econômico causado pela pandemia do COVID-19. Com o fechamento das portas imposto pela quarentena, a maioria não está conseguindo vender seus produtos ou prestar serviços. Pensando nisso, Karla Fernandes e Lívia Dantas, duas amigas e sócias, resolveram criar o Cupoom Club, uma plataforma digital que permite vender de forma adiantada.

DINO
https://cupoom.club/?tag=news
Jaqueline Borges e sua página promocional no Cupoom.Club


A tecnologia pode ser a solução para donos de pequenos comércios e profissionais autônomos superarem o impacto econômico causado pela pandemia do COVID-19.

Com o fechamento das portas imposto pela quarentena, a maioria não está conseguindo vender seus produtos ou prestar serviços.

E o estrago é grande. Hoje, as micro e pequenas empresas no país representam 13 milhões de negócios, sendo 8,3 milhões de microempreendedores individuais (MEI), de acordo com o SEBRAE. Muitos deles, não possuem reservas ou fluxo de caixa.

A massoterapeuta Jaqueline Borges, 33 anos, de Belo Horizonte, sentiu o baque de perto. Ela tinha acabado de se mudar de Paracatu para a capital, quando foi surpreendida pela quarentena. "De repente tudo mudou, e meu maior desafio passou a ser encontrar um jeito de manter a confiança de antigos clientes e atrair novos para um modo diferente de fazer negócios que esta crise nos impõe", diz Jaqueline.

Para o tatuador de 39 anos, Felipe Monteiro, de Brasília, a preocupação também bateu forte. Um negócio como o dele depende de contatos físicos para existir. "Para mim foi um golpe duro. Tinha acabado de fechar um aluguel para um estúdio próprio. Agora, preciso encontrar novas formas de fornecer o meu serviço sem quebrar de uma vez", avalia o empreendedor brasiliense.

Pensando nisso, Karla Fernandes e Lívia Dantas, duas amigas e sócias, resolveram criar o Cupoom Club, uma plataforma digital que permite a pequenos empreendedores vender seus produtos e serviços de forma adiantada. O cliente compra agora, recebe um cupom e troca pelo bem depois que o isolamento acabar.

No Cupoom Club, o empreendedor se cadastra e, de graça, cria sua página com promoções de "venda adiantada" de produtos e serviços. Assim, ele consegue gerar caixa imediato que possibilite a manutenção de seu negócio.

Jaqueline e Felipe aderiram à plataforma e já estão prontos para trabalharem no novo formato.

"Tudo isso vai passar, e nada mais será como antes. Mas sei que a procura por massagens holísticas será grande. Vai ter muita gente precisando se realinhar espiritualmente. Elas vão poder comprar o meu serviço hoje com um preço superespecial, e desfrutar dele no conforto de sua casa quando o isolamento social acabar", acredita Jaqueline.

"Todo mundo ganha", afirma Livia Dantas do Cupoom Club. "Cabeleireiras, esteticistas, diaristas, massoterapeutas, doceiras, tatuadores, donas e donos de cafés, bares, restaurantes e outros prestadores de serviços aliviam seu fluxo de caixa, e muitos clientes se sentem felizes por poderem colaborar de uma forma ativa para o futuro de sua empresa favorita", complementa.

"Essa foi a forma que a gente encontrou para ajudar as pessoas nesta crise. O cenário não é animador, mas com criatividade e abertura para o novo, a gente consegue dar um drible em tudo isso", finaliza a sócia Karla Fernandes.

Para conhecer e acessar a plataforma gratuita, acesse www.cupoom.club



Website: https://cupoom.club/?tag=news
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Qual sua Rede Social Favorita?

46.0%
26.2%
17.5%
9.5%
0.8%