24/04/2020 às 18h49min - Atualizada em 26/04/2020 às 02h33min

Cinco dicas para impulsionar as compras on-line durante a quarentena

A tendência é registrar-se um forte aumento nos pedidos de lojas virtuais nas próximas semanas, conforme a Covid-19 avance no país

DINO


A ordem do dia é não sair de casa, por conta da pandemia do coronavírus, a maioria dos estados e municípios decretaram quarentena e fecharam as portas por tempo indeterminado das lojas não essenciais. Apenas supermercados, estabelecimentos que vendem produtos de alimentação e farmácias têm autorização para ficarem abertos - ainda assim com restrições. Dessa forma, a opção de compra para os consumidores é o comércio eletrônico. A tendência é registrar um forte aumento nos pedidos de lojas virtuais nas próximas semanas, conforme a Covid-19 avance no país. Para garantir a melhor oportunidade para o bolso, abaixo cinco dicas:

1 - Sem pressa
A primeira dica para quem for comprar em um e-commerce é não ter pressa. Muitos acabam adquirindo itens por impulso, com medo de perder uma promoção ou ver o estoque do produto esgotar. Contudo, deve-se evitar comprar de primeira. O ideial é colocar no carrinho de compra e sair da página. Além de ganhar tempo para pesquisar mais, a loja também deve enviar o mesmo produto com um cupom de desconto.

2 - Comparar e pesquisar
É bom aproveitar o tempo em que está conectado e pesquisar o produto que tem em mente comprar em diferentes lojas. Por mais que tenha alguma preferência de site para realizar as compras, não custa comparar preços, condições de pagamento, frete e outros itens para ver em qual lugar compensa mais. No fim, é possível encontrar o item que deseja com um valor bem mais em conta.

3 - Prestar atenção no cashback
A expressão cashback nada mais é do que um programa de fidelidade que devolve ao consumidor parte do dinheiro que ele gastou em na compra na loja virtual. É um estímulo e tanto para a pessoa voltar à loja e adquirir mais itens sem gastar tanto para isso. Muitas lojas virtuais brasileiras já oferecem essa possibilidade e até mesmo alguns meios de pagamento contam com esse programa. Portanto, é necessário ficar atento antes de efetuar a compra.

4 - Buscar cupons de desconto
Os cupons de desconto representam uma das melhores estratégias do e-commerce de atrair, reter e fidelizar consumidores. Seja por e-mail marketing ou aplicativo, é possível descolar descontos - ainda mais se for a primeira compra na loja virtual. Assim, é ideal ver se tem direito a um cupom de desconto para gastar pela primeira vez e baixar o app para fazer alguma ação que a loja pede para obter descontos nos pedidos.

5 - Analisar a reputação da loja
Por fim, mas não menos importante, não efetuar o pedido antes de analisar a reputação da loja virtual escolhida. É necessário informar-se sobre a marca no Reclame Aqui e até mesmo no Procon para avaliar se há muitas reclamações. Observar o que as pessoas comentam nas redes sociais e se o site possui informações cadastrais claras, como meios de contato, CNPJ, etc. Isso certamente vai ajudar a evitar dores de cabeça futuras.

* Diogo Lupinari é CEO e cofundador da Wevo, empresa especializada em integração de sistemas e dados - wevo@nbpress.com

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Qual sua Rede Social Favorita?

46.0%
26.2%
17.5%
9.5%
0.8%