28/04/2020 às 16h36min - Atualizada em 28/04/2020 às 19h21min

Design thinking aplicado à comunicação é tema de treinamento corporativo online

Distanciamento social não foi empecilho para continuação do projeto "Universidade Comunique-se" que ganhou vida no digital em período de home-office.

DINO
http://www.comunique-se.com.br
Design Thinking aplicado à comunicação é tema de treinamento corporativo


A pandemia causada pelo novo coronavírus impactou diretamente na rotina do mundo corporativo. Devido ao isolamento social, o modelo home-office ganhou ainda mais força nas companhias. Agora, profissionais buscam maneiras para manter o fluxo de trabalho mesmo à distância. Tal crise evidenciou a necessidade da transformação digital em empresas. Para se adaptar às exigências do cenário atual, o Grupo Comunique-se migrou seu programa “Universidade” para o ambiente digital, na manhã da última quinta-feira, 23. Palestras que, outrora, ocorriam no formato presencial, agora acontecem no ambiente online.  

Como pontapé inicial do projeto, a organização convidou a doutora em comunicação e semiótica, Ana Lúcia Campos Pita, para ministrar sobre design thinking aplicado à comunicação. O conteúdo aplicado por Pita -- como a especialista é popularmente conhecida no ramo --,  foi destinado aos colaboradores da empresa nas bases de São Paulo e Rio de Janeiro, por meio de videoconferência. A profissional, com mais de 20 anos de experiência em treinamentos corporativos, exerce a função de professora nas universidades Belas Artes, Ibmec, Faap, Mackenzie e Puc.

A professora Pita também precisou se adaptar ao contexto atual, a fim dar continuidade ao seu trabalho de consultorias, treinamentos e palestras. “Tem sido um aprendizado diário [os treinamentos online]! Apesar de já ter atuado como autora e tutora de EaD, apresentações síncronas exigem muito mais. É preciso montar um material criativo e que explore diversas ferramentas virtuais. É um desafio! Mas... como gosto de desafios, tem sido prazeroso”. Enfatizou a palestrante sobre a experiência de trocar conhecimento e ideias à distância.

Pita listou, ainda, os principais elementos sobre design thinking e como empresas em geral podem -- e devem -- aplicar a ferramenta para criar novos produtos, serviços, projetos, aprimorar processos e transformar o ambiente interno. A metodologia que vem ganhando cada vez mais espaço nas empresas, tem como ponto central as pessoas e suas necessidades, com objetivo de melhorar o bem-estar. “O design, para além da estética de produtos ou serviços, enquanto tipo de conhecimento, tem como objetivo a promoção do bem-estar na vida das pessoas e apropriação desse conceito e sua aplicação no mundo dos negócios tem a ver com inovação e foco na experiência do consumidor ou público-alvo”.

Colaboradores do Comunique-se elogiaram a decisão da empresa em adaptar o programa “Universidade” ao modelo home-office. Analista de marketing digital do Comunique-se, Stéphanie Freitas fez questão de enfatizar que o evento online retém maior atenção aos principais tópicos de interesse sobre o tema. “A palestra foi enriquecedora, nos levou além do que já estávamos acostumados, levou  nosso pensamento para fora da caixa, longe do 'normal'. Conteúdos dessa forma ajudam a aliviar um pouco da solidão da quarentena, uma vez que podemos interagir com o palestrante, fazer perguntas e até trocar ideias com os colegas. São situações que estamos privados e com esses eventos temos uma mudança em nossa rotina, além de fugir da normalidade do tradicional”, comentou. 

A palestrante indicou uma série de livros sobre o Design Thinking para leitura complementar, que podem ajudar a compreender de forma aprofundada sobre tal processo. São eles:

  • Normose: A patologia da normalidade. Livro por Jean-Yves Leloup, Pierre Weil e Roberto Crema.
  • Desconstruindo O Mindset E Construindo Inovação. Livro por Solange Mata Machado.
  • Design Thinking: Uma Metodologia Poderosa Para Decretar o Fim Das Velhas Ideias. Livro por Tim Brown.
  • Destrua Este Diário. Livro por Keri Smith.

Para Nathália Cremoneze, supervisora de gente e gestão do Comunique-se, o treinamento chamou atenção principalmente no impacto causado às pessoas, mesmo à distância. “O que foi diferente, desta vez, foi o modelo online devido ao home-office, mas nos surpreendeu positivamente. O time conseguiu interagir bem e a dinâmica usada pela professora Pita fez toda diferença”, finalizou.



Website: http://www.comunique-se.com.br
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Qual sua Rede Social Favorita?

46.0%
26.2%
17.5%
9.5%
0.8%