29/04/2020 às 12h36min - Atualizada em 29/04/2020 às 12h42min

De clínicas odontológicas à produção de máscaras: empreendedor encontra espaço para se reinventar em meio ao cenário atual

Como o empreendedor Ross Vasconcelos, encontrou uma nova forma de manter sua empresa lucrando, e ainda criou um curso on-line para ensinar outros empresários sua estratégia

DINO
https://hotm.art/7HtHXNT1
Ross Vasconcelos, fundador Rede Dents


O avanço da pandemia do novo Coronavírus (Covid-19) já causa impacto negativo em 88,7% das pequenas empresas brasileiras, conforme pesquisa realizada pelo Sebrae entre os dias 3 e 7 de abril. Os empresários ouvidos pelo órgão relatam queda no faturamento nas últimas semanas.

A boa notícia é que mesmo com a crise atual, muitos empreendedores estão conseguindo se reinventar, equilibrar o fluxo de caixa e até registrar crescimento médio no faturamento. A pesquisa do Sebrae estima que mais de 400 mil pequenos negócios tenham ampliado sua receita desde o início da quarentena.

A Rede Dents, empresa que dá suporte a clínicas odontológicas particulares, mas sem transformá-las em franquia, é um exemplo de empreendimento que conseguiu superar as dificuldades do momento. De maneira inusitada, a empresa modificou sua área de atuação durante a pandemia.

A rede, que atende mais de 150 cirurgiões em todo o Brasil, isentou seus clientes do pagamento dos royalties previsto em contrato. “O isolamento social obrigou os dentistas a atenderem só casos de urgência e emergência. Para os apoiar neste momento, continuamos lhes dando suporte, mas os liberamos desse pagamento”, relatou o criador da empresa, Ross Vasconcelos.

Sem a receita dos conveniados, a empresa precisou se adaptar à nova realidade. “Para sobrevivência do negócio, nós tivemos que nos reinventar e iniciamos a produção de máscaras de proteção individual, um item importante no combate e prevenção do Coronavírus”, explicou o empreendedor. Os itens são vendidos especialmente para empresas, como supermercados e redes de farmácias.

“Hoje entregamos 5 mil máscaras por semana. Temos um grupo de costureiras que é comissionada por cada unidade costurada”, destacou Vasconcelos, que viu o faturamento de sua empresa crescer nas últimas semanas. “A Rede Dents não vai deixar de existir. As atividades seguem normais, mas por enquanto adicionamos essa atividade em nossas atividades enquanto durar o isolamento social”, avaliou.

 

Curso online

Essa estratégia, bem como orientações importantes sobre como empreendedores podem enfrentar a crise e manter seus negócios lucrativos, foram transformadas em um curso online. “Todos estão se perguntando o que fazer para sobreviver. Fiz esse curso para que empresários de todo o Brasil possam duplicar essa estratégia nas suas cidades, para que assim possam não apenas manter seus negócios vivos, como ter um bom retorno”, pontuou o proprietário da Rede Dents.

Parte do valor recebido com a venda do curso, está sendo revertido para o Projeto Ninho. O curso já está disponível e pode ser adquirido pelo endereço https://hotm.art/7HtHXNT1.

 

Rede Dents

A Rede Dents é a primeira rede de clínicas particulares, criada para oferecer o mesmo suporte que grandes redes fornecem aos seus membros, sem por isso os consultórios precisem perder a sua identidade, investir em troca de bandeira/marca, gastar com reformas e ou deixar de ser o dono do próprio negócio.

Durante o esforço de combate ao COVID-19, a Rede Dents, que segue dando suporte aos estabelecimentos conveniados, e está disponibilizando o conteúdo de sua universidade corporativa on-line, utilizada para treinamento dos profissionais, para todas as clínicas odontológicas, mesmo aquelas que não fazem parte da rede. “Além de liberarmos nossas clínicas do pagamento de royalties, estamos dando a oportunidade para outras clínicas terem acesso a esse conteúdo exclusivo, para que possam passar por este momento com menos dificuldades, e prosperar após isso tudo”, completou Vasconcelos. Clínicas interessadas podem enviar um e-mail para rededents@gmail.com 

 



Website: https://hotm.art/7HtHXNT1
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Qual sua Rede Social Favorita?

46.0%
26.2%
17.5%
9.5%
0.8%